27/07/2013

Presente mais-que-alvinegro

Alisson Millo

Chega o clássico, e o Galo vem no embalo total. Em lua de mel com seu torcedor, o time do Atlético pega o Cruzeiro em jogo pela 9ª rodada do Brasileirão. Porém, é fato que a cabeça de todo atleticano continua bem longe do Campeonato Brasileiro.

Há exatos três dias, o Clube Atlético Mineiro, sim, o time tão zoado, de torcedor tão fanático, mas diversas vezes tão humilhado, conquistava a Copa Libertadores da América, espantando de vez piadas, chacotas dos rivais. Ronaldinho adicionou mais um título à sua nobre galeria, o goleiro santo Victor foi beatificado e, a seguir, canonizado. Diego Tardelli e Jô mandaram "recado" aos críticos. Enfim, nós lavamos a alma. De uma vez por todas.

Atlético chega ao topo da América
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Quase deu para esquecer que este texto deveria falar do clássico. Mas, para dizer a verdade, o duelo vai ser um momento de transição: a festa vai sair da rua e invadir a casa do adversário, uma vez que o mando de campo é da Raposa. Se o Galo ganhar, a festa volta a tomar as ruas de Belo Horizonte.

Mais três pontos...

A importância do jogo? Para o Atlético, ter mais três pontos na tabela. Para o atleticano nenhuma. Se você perguntar para o torcedor do Galo, com certeza, ele vai afirmar que se preocupou muito mais com a vitória conquistada na madrugada de quarta para quinta do que com o jogo de domingo. Mas não se enganem! Se ganhar, vamos comemorar mais... Um motivo a mais para festa!

Em maio, clássico valeu o Mineiro
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

O time que vai para campo não é aquele que fez o atleticano explodir de alegria. Mas isso não quer dizer que ele seja ruim. E na verdade, o time reserva do Galo é bem melhor que muitos times que já vestiram o manto sagrado!

O Mineirão sempre foi nosso. Hoje a América também é nossa. O placar deste domingo pouco nos importa diante da magnitude da conquista que alcançamos na última semana. Mesmo assim, tremei Cruzeiro e, por que não, tremei Guardiola!

Nenhum comentário:

Postar um comentário