27/08/2013

Santo de casa... faz milagre!

Alisson Millo

Jogar em casa é, quase sempre, uma vantagem. Apoio dos torcedores, o conhecimento do campo... tudo favorece ao time mandante. Mas alguns times levam o fator casa a um ponto quase extremo. Os clubes cariocas no Maracanã, o Corinthians no Pacaembu, e o Cruzeiro, no Mineirão, são três bons exemplos. No entanto, eles seguem longe de alcançar o maior destaque.

Em 2013, três clubes entraram na lista de maior número de partidas sem derrotas em casa. O destaque, claro, vai para o Atlético. O Galo estava invicto desde 2011, até o revés para o xará paranaense. Ao todo, foram 54 partidas. Recorde nacional, somando a Arena do Jacaré, o Mineirão e, em especial, o Independência. Qual alvinegro não bradou "caiu no Horto, tá morto"? Como negar a influência do Horto na Libertadores? E no vice-brasileiro em 2012?

Galo: recorde nacional, de 54 jogos
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

O recorde pertencia ao Grêmio, com 49 jogos entre 2008 e 2010, mas os gaúchos também foram batidos pelo Juventude/RS. Na quarta divisão, o time de Caxias do Sul acumulou incríveis 52 partidas sem derrotas desde 2011. Na última semana, o alviverde foi derrotado pelo Passo Fundo/RS. Ainda assim, segue perto de voltar à Série C. Por pouco, quase sem ser notado, o "Juve" não superou o Atlético, colocando seu nome na história do futebol brasileiro.

À moda gaúcha...

O destaque da lista é o futebol gaúcho. Grêmio, Inter e Juventude estão entre os cinco primeiros. Enquanto nenhum clube do "eixo Rio-São Paulo" aparece. Prova da força e da imprevisibilidade do futebol. Que permite a um time de pouca expressão ser notícia por alcançar feitos próximos aos dos mais badalados.

As cinco maiores:

1º - Atlético - 54 jogos (2011-2013)
2º - Juventude - 52 jogos (2011-2013)
3º - Goiás - 49 jogos (2011-2013)
3º - Grêmio - 49 jogos (2008-2010)
4º - Inter/RS - 46 jogos (1973-1975)
5º - Santa Cruz - 45 jogos (2004-2006)

Nenhum comentário:

Postar um comentário