04/10/2014

Cruzeiro: regular ou decisivo?

Vinícius Dias

Com expectativa de recorde de público do Mineirão no atual Campeonato Brasileiro, Cruzeiro e Internacional se enfrentam às 18h. Líder e vice-líder estão, no momento, separados por seis pontos na tabela. Para o time de Marcelo Oliveira, uma vitória significará a ampliação da diferença para nove pontos, recorde em 2014. No caso gaúcho, o triunfo vale a aproximação, reduzindo a vantagem azul a três pontos.


Mais do que a ótima fase do adversário, que lidera o returno e somou 12 pontos nas últimas cinco rodadas, contra sete do Cruzeiro, o time celeste precisará superar o retrospecto modesto em embates com os seis clubes mais bem posicionados na tabela.

Cruzeiro x equipes do G7

Duas vitórias, dois empates e quatro derrotas
Oito pontos em 24 possíveis (33,3%)
11 gols marcados e 13 sofridos

No turno: Raposa bate o Inter por 3 a 1
(Créditos: Lucas Uebel/Light Press/Textual)

Em 25 rodadas disputadas, o Cruzeiro conquistou 53 pontos, batendo a média de dois por partida, que lhe rendeu o título na última temporada. O ótimo desempenho azul é justificado, sobretudo, pela postura implacável, inclusive como visitante, diante das equipes que estão entre a 8ª e a 20ª posições no Brasileiro.

Cruzeiro x 8º a 20º colocados

14 vitórias e três empates
45 pontos em 51 possíveis (88,2%)
38 gols marcados e 12 sofridos

Nos bastidores, o jogo começa equilibrado, com as ausências dos meias-atacantes Ricardo Goulart, do lado celeste, e Eduardo Sasha, do colorado. O Cruzeiro ainda pode perder o lateral-esquerdo Egídio, e o Inter não vai contar com Wellington Paulista. A previsão é de ótimo duelo, à altura do rótulo de final antecipada.

Time mais regular do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro terá, nesta noite, uma nova chance de apresentar sua faceta decisiva, ainda escondida, e, assim, encaminhar o tetra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário