20/01/2015


Rodolfo sofreu apenas dois gols em cinco jogos e foi decisivo
nas oitavas de final ante o Flamengo: "fui abençoado", disse

Vinícius Dias

Em busca do quarto título, o Atlético volta a campo nesta terça-feira, às 21h, pelas quartas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O São Paulo será o adversário da vez, na cidade de São José dos Campos. Após cinco partidas na competição, a equipe alvinegra, comandada por Rogério Micale, segue invicta e com bons números. Entre os artilheiros, destaque para o volante Yago, que marcou três dos 14 gols da time. Na defesa, o destaque é o goleiro Rodolfo, que sofreu apenas dois gols.

Rodolfo: herói nas oitavas de final
(Créditos: Luccas Salles/Assessoria P2)

No último domingo, o jovem camisa 1 atleticano ganhou status de herói ao defender a décima cobrança do Flamengo na disputa de pênaltis. Após o empate por 0 a 0 no tempo normal, o Galo levou a melhor diante dos cariocas nos pênaltis: 10 a 9. "O jogo foi bom, bastante equilibrado. Já havíamos treinado bastante (para) se terminasse em empate e deu tudo certo. Fui abençoado e consegui fazer a defesa que garantiu a equipe na próxima fase", afirmou Rodolfo.

Com histórico de seleção

Com passagens pelas seleções de base do Brasil, o arqueiro, de 19 anos, deixou o campo sem ser vazado em quatro das cinco partidas da equipe júnior do Atlético na competição. Rodolfo, que teve o primeiro profissional registrado em maio de 2011, está vinculado ao Galo até maio de 2016. À noite, terá mais um desafio. Em caso de novo triunfo, a equipe encara o vencedor de Criciúma e Corinthians na semifinal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário