09/02/2015

Honrando o nome de Minas...

Ricardo Diniz

Ainda é cedo para dizer, mas se tomarmos por base o fim de 2014 e o começo de 2015, o ano vai ser bom para o lado alvinegro de Minas Gerais. O Atlético manteve praticamente todo o elenco e fez boas contratações, sendo a última, a chegada do meia-atacante Sherman Cárdenas, autor do gol do Atlético Nacional, da Colômbia, ante o Galo na primeira partida das oitavas de final da Libertadores passada.


O jogador de 25 anos, que pode atuar tanto na armação das jogadas - função que hoje é de Jesús Dátolo - como aberto pelos lados do campo, principalmente o esquerdo, deve estrear pelo alvinegro na partida contra o Democrata de Governador Valadares, pela terceira rodada do estadual. O duelo antecede a estreia na fase de grupos da Copa Libertadores, ante o Colo-Colo, do Chile, no dia 18.

Cárdenas: reforço colombiano no Galo
(Créditos: Bruno Cantini/Flickr/Atlético-MG)

Apesar da boa técnica, não será fácil para o colombiano conquistar uma vaga no time titular. Afinal, o time venceu os três jogos deste ano: 4 a 2 contra o Shaktar Donetsk; e 2 a 0 sobre o Tupi, placar repetido contra o Mamoré. Na última partida, a atuação não foi tão notável, mas valeu pela vontade. Destaque para Jemerson, autor do primeiro gol, que ainda na primeira etapa cometeu penalidade defendida por Victor. Luan também foi bem. No primeiro tempo, participou do lance do gol. Na segunda etapa, ampliou o marcador.

Mesmo time, mais sucesso

A única mudança em relação ao time campeão da Copa do Brasil no ano passado foi a entrada de Lucas Pratto no lugar de Diego Tardelli. O time titular tem: Victor; Marcos Rocha, Léo Silva, Jemerson e Pedro Botelho; Donizete, Rafael Carioca, Dátolo, Luan e Carlos; Pratto. Douglas Santos está fora por lesão. No elenco ainda há bons nomes, em especial para o quarteto de frente, como Guilherme, que se recupera de lesão, Maicosuel, Dodô e Cesinha.

Elenco unido e reforçado para 2015
(Créditos: Bruno Cantini/Flickr/Atlético-MG)

Enquanto a equipe vai se acertando neste começo de ano pensando nas conquistas, a diretoria continua trabalhando em busca de reforços para o treinador Levir. De olho na arrecadação, o Atlético pretende mandar mais partidas no Mineirão nesta temporada - no comparativo com 2013 e 2014. Tal medida possibilitaria não apenas o aumento das receitas de bilheteria, mas também a consolidação do programa de sócios-torcedores.

Ao som do hino alvinegro

O fato é que, seja no Horto ou no Gigante da Pampulha, o Galo, forte e vingador, mais uma vez chega com tudo para fazer jus ao hino e honrar o nome de Minas no cenário esportivo mundial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário