28/06/2016

Agora, ninguém segura o Galo!

Alisson Millo*

Obrigado, Clint Dempsey e Gyasi Zardes! Talvez esses nomes não sejam familiares aos torcedores atleticanos, mas a verdade é que os dois foram fundamentais para essa ascensão do Galo no Campeonato Brasileiro. Nas quartas de final da Copa America Centenário, ambos foram responsáveis pelos gols dos Estados Unidos, eliminando o Equador e determinando os retornos de Erazo e Cazares ao Atlético. E como essa dupla equatoriana estava fazendo falta.


Começando pelo começo, Erazo deu solidez à defesa que vinha falhando. Edcarlos, Tiago e Gabriel não conseguiram substituir nosso 'zaguerazo' à altura e a situação ficou pior após a lesão de Léo Silva. Falhas constantes prejudicaram muito a equipe, principalmente no duelo contra o Sport, que terminou em 4 a 4 após o Atlético abrir 4 a 2 na Ilha do Retiro. Com os titulares de volta, apenas um gol sofrido em três jogos: um alento para o time que chegou a ter a pior defesa da Série A.

Robinho comemora gol ante o América
(Créditos: Bruno Cantini/Flickr/Atlético-MG)

Mais à frente, no meio-campo, a falta de criação ficava nítida. A deficiência no passe prejudicou o ataque, que pouco marcou e não conseguia tirar o Atlético da zona de rebaixamento. Mas, hoje, a situação é diferente. Juan Cazares é o armador clássico que tanto fez falta e, agora, está disponível novamente. E haja melhora: três vitórias seguidas e seis gols marcados - dois dele -, fora as chances não convertidas.

Obrigado, também, Ruidíaz!

Aproveitando essa onda de agradecimentos, é impossível não citar a mão direita de Raúl Ruidíaz, autor do gol que eliminou o Brasil da mesma Copa América, antecipando a volta de Douglas Santos. Com isso, acabaram as improvisações e a lateral teve um salto de qualidade. Com o elenco quase todo disponível, a ascensão é inevitável. Que o Z4, que já ficou para trás, não volte mais. Nossa briga é por título, e que o Botafogo seja a próxima vítima. Agora, ninguém segura o Galo!

*Jornalista. Corneteiro confesso e atleticano desde 1994.
Goleiro titular e atual capitão da seção Fala, Atleticano!

Um comentário:

  1. Amigo, sou um otimista escaldado.
    Nossa zaga inspira cuidados pois Leo Silva ja' passou da idade e nao temos bons reservas para o ataque onde 2 titulares nao dao conta do recado: Robinho e Calyton.
    Um so' joga meio tempo e o outra ta' mais pra Diogo Nogueira Cover. Nem me fale dos reservas Patric e Carlos, so' jogam no Galo, em nenhum outro lugar.
    Devagar com o andor.

    ResponderExcluir