11/11/2016


Com cinco vagas para estrangeiros preenchidas, Shangai SIPG teria
de remanejar peças para acomodar atacantes argentinos no elenco

Vinícius Dias*

Os bons números de Ramón Ábila nesta temporada, com 28 gols em 49 partidas, somando as atuações por Cruzeiro e Huracán, da Argentina, têm repercutido no mercado chinês. Nessa quarta-feira, em entrevista à Fox Sports Argentina, o atacante falou sobre a possibilidade de atuar no país asiático, mencionando ainda o nome de Tevez. Conforme o Blog Toque Di Letra apurou, ambos são monitorados pelo Shangai SIPG, que considera o camisa 10 do Boca Juniors prioridade.


Terceiro colocado na última edição da Superliga chinesa, o clube anunciou recentemente a contratação do treinador português André Vilas-Boas. No mercado de atletas, faltando quase dois meses para a abertura da janela local, as movimentações ainda estão em fase incipiente. Por isso, sequer houve contato com a diretoria do Cruzeiro. Curiosamente, Ábila e Tevez - que foi alvo do SIPG também no início deste ano - são representados pelo mesmo agente: Adrián Ruocco.

Ábila: 12 gols em 25 jogos pelo Cruzeiro
(Créditos: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

Para acomodar os dois, porém, o clube precisaria remanejar as vagas de estrangeiros. Hoje, a asiática cabe ao zagueiro sul-coreano Joo-Youg Kim. Ocupam as demais Elkeson, Conca, Hulk e o atacante marfinense Kouassi, todos com vínculos longos. Hulk é homem de confiança do técnico, que o comandou no Porto e no Zenit. Conca está lesionado, mas renovou há seis meses. Elkeson chegou a ter o retorno ao Guangzhou Evergrande cogitado caso Marcelo Lippi reassumisse o comando, o que não ocorreu.

Situação no clube celeste

Ramón Ábila chegou à Toca da Raposa II em junho, contratado junto ao Huracán. As cifras da negociação giraram em torno de US$ 4 milhões (R$ 13,4 milhões). O Cruzeiro tem 50% dos direitos econômicos, com a outra metade pertencendo ao clube argentino. O atacante assinou contrato até junho de 2020.

*Com colaboração de Luciano Silveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário