09/08/2018

Cruzeiro: noite dos sonhos e silêncio no Maraca

Vinícius Dias

Robinho invade a área, recebe de Thiago Neves, ajeita e, com tempo e espaço, acha Arrrascaeta pronto para finalizar frente a frente com Diego Alves aos 9' do primeiro tempo. 1 a 0 para o Cruzeiro diante do Flamengo, no Maracanã. Quarta-feira dos sonhos, que ficou completa aos 33' da etapa final: Raniel conectando Rafinha pela direita, dele para Arrascaeta, do uruguaio para Lucas Silva finalizar e Thiago Neves desviar para as redes. Classificação encaminhada às quartas de final da Libertadores.


Na melhor apresentação de uma temporada em que o Cruzeiro tropeça nos pontos corridos, mas, jogo a jogo, reafirma sua face competitiva em mata-matas: intenso e certeiro. Em maio, 4 a 0 sobre o Vasco na quarta finalização certa em São Januário. Depois de ter conquistado o título estadual revertendo a vantagem do Atlético. E da goleada diante da La U por 7 a 0. No fim de julho, mesmo sem brilho, vitória contra o Santos, na Vila Belmiro, abrindo vantagem nas quartas de final da Copa do Brasil.

Raposa fez 2 a 0 no confronto de ida
(Créditos: Bruno Haddad/Cruzeiro E.C.)

Nessa quarta-feira, o time celeste teve chances de marcar três, quatro. Parou na cabeçada de Thiago Neves no travessão, na intervenção de Diego Alves no último lance, mas foi superior durante os 90 minutos. Porque teve menos posse, trocou menos passes, mas entendeu melhor o embate. Contou com o gol cedo para poder explorar os espaços, com a segurança de Fábio e Dedé para não ser vazado, com o acerto de Mano Menezes ao substituir Barcos por Raniel para dar profundidade.

Vitória do Cruzeiro que compete demais e deu grande passo.
Em uma noite dos sonhos que o Maracanã viveu em silêncio.

3 comentários:

  1. Boa tarde,

    Tenho feito muitas criticas, a jogadores, diretoria e comissão técnica.
    Mas ontem foi digno de elogios e aplausos.
    Com apenas uma ressalva: O Raniel não pode ser reserva de ninguem no time.

    Cuiaba MT.

    ResponderExcluir
  2. TIME ADULTO, CONSCIENTE, COM POSIÇÃO CLARA E DEFINIDA NOS PRIMEIROS NOVENTA MINUTOS.

    ResponderExcluir
  3. Belíssima vitória, que poderia ter sido mais elástica, não fosse os dois gols claros perdidos no finalzinho do jogo, mais aquela cabeçada do TN30 de baixo das traves. Mas o Flamengo também teve boas chances. Ficou de bom tamanho. Agora é manter o foco e ganhar deles de novo, no domingo e no Mineiro! E vamo-que-vamo, contra tudo e contra todos!

    ResponderExcluir