17/08/2019

Rogério Ceni supera primeiro teste no Cruzeiro

Vinícius Dias

Foram dois estaduais, duas Copas do Brasil e mais de três anos com Mano Menezes no comando, enquanto o treino comandado nessa quinta-feira, na Toca da Raposa II, foi apenas o terceiro de Rogério Ceni, que estreará oficialmente no domingo. Mas, nos bastidores, o clima é de otimismo. A avaliação é de que, em meio a uma das maiores crises institucionais da história do Cruzeiro, incluindo afastamento de dirigente e atrasos salariais, o novo treinador já superou seu primeiro teste: o vestiário.

Ceni teve recepção positiva na Toca
(Créditos: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.)

Conselheiros, agentes com bom trânsito no clube e, principalmente, atletas ouvidos pelo Blog Toque Di Letra exaltaram os primeiros dias de Ceni. Um dos pontos mais elogiados, na comparação com a postura de pouca abertura de Mano Menezes, é a busca pela proximidade com o grupo. "Na apresentação, ele disse: 'eu sou um cara que dentro de campo cobra, xinga, mas fora de campo somos parceiros'. É importante para o jogador sentir isso", revelou um integrante do elenco profissional.

Embora a declaração de Fred após a eliminação na Libertadores tenha sido interpretada como indício de má relação entre a antiga comissão técnica e os atletas, a negativa é unânime. Nos bastidores, o diagnóstico é de que havia, sim, um desgaste de ideias, o que chegou a fazer com que fosse cogitada a queda durante a pausa para a Copa América. A opção por Ceni, referendada pelas lideranças do elenco, passa pela promessa de novo ciclo, com futebol ofensivo, mas deu seu primeiro passo no vestiário.

7 comentários:

  1. Tudo balela, o que importa são os jogos. Até lá tudo que falarem nao muda nada. Queremos ver se ele vai fazer esse time ganhar. De palavras e discursos vazios desses jogadores estamos cansados.

    ResponderExcluir
  2. Acreditamos no Rogério Cenni,se os jogadores recuperarem a confiança, pois não desaprenderam jogar bola da noite para o dia .

    ResponderExcluir
  3. A idade do elenco pesa,o coração quer correr mas as pernas cansadas e velhas não obedecem. Kkkkkkkkkk segundona no cruzeirinho caloteiro kkkkk.

    ResponderExcluir
  4. Temos, estrutura, elenco e time, não vejo o CRUZEIRO nesta posição atual. Os jogadores tem que voar e fazerem o que sabem. É também considero nosso time, das que esteja confiante e dedicado, melhor do que o Inter. Mesmo com todo oba oba no Inter. Gente, o Cruzeiro foi e sempre será casca, em um Brasil onde a grande e mídia favorecem Rio e SP, ganhamos títulos a dar com o pau e fomos considerados o melhor brasileiro do sec xx. Tem que respeitar, valorizar e ver que o Cruzeiro é diferenciado. As palavras do Rogério exaltando não foram atoa, é que o Cruzeiro é um dos poucos clubes persona não grata quando se chega em uma final. O Cruzeiro tira leite de pedra.

    ResponderExcluir
  5. E ganhou. Jogou bem. A cara do time mudou... Vamos aguardar a continuidade do trabalho.Deu esperança de uma virada contra o Inter pela Copa do Brasil.

    ResponderExcluir
  6. E aí Fabrício? Queimou a língua?!

    ResponderExcluir