21/07/2016


Com término da janela internacional, há dois dias, mercado
interno se tornou principal alternativa na busca de reforços

Vinícius Dias

Com o fechamento da janela internacional, na terça-feira passada, restam aos times da Série A três cenários na busca por reforços: jogadores que estão atualmente sem vínculo, que atuam em clubes de divisões inferiores ou que não tenham realizado sete partidas no Campeonato Brasileiro. De acordo com a base de dados do portal Rede do Futebol, esta é a situação de cerca de 810 jogadores.


O Blog Toque Di Letra, a partir dessas informações, elaborou uma lista com 50 nomes 'negociáveis'. De goleiros a atacantes, cada clube teve, no mínimo, um e, no máximo, cinco selecionados. Foram excluídos da relação final atletas recém-chegados ou atualmente contundidos; titulares recém-recuperados de lesão e jogadores que desfalcaram as respectivas equipes em razão de convocações para seleções.

Barrios: apenas três jogos no Brasileiro
(Créditos: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Entre os destaques da lista estão atletas como Paulo Victor, goleiro do Flamengo; o zagueiro Léo, bicampeão brasileiro pelo Cruzeiro; o volante Pierre, do Fluminense; os meias Dátolo, do Atlético, e Elano, do Santos; além do paraguaio Barrios, do Palmeiras. Nomes com asterisco já podem assinar pré-contrato, enquanto os assinalados em itálico têm vínculo por empréstimo com os atuais clubes.

Goleiros:

Fernando Leal* - América/MG: não atuou
Follmann - Chapecoense: não atuou
Giovanni* - Atlético/MG: não atuou
Júlio César - Fluminense: não atuou
Paulo Victor - Flamengo: três jogos
Renan Ribeiro - São Paulo: um jogo

Laterais-direitos:

Alex Silva - Atlético/MG: não atuou
Cláudio Winck - Chapecoense: cinco jogos
Nino Paraíba* - Ponte Preta: seis jogos
Norberto - Vitória: seis jogos
Pará - Flamengo: cinco jogos
Vitor* - Santa Cruz: seis jogos

Zagueiros:

Alan Costa - Internacional: três jogos
Demerson* - Chapecoense: três jogos
Edcarlos* - Atlético/MG: quatro jogos
Fernando Tobio - Palmeiras: não atuou
Léo* - Cruzeiro: dois jogos
Renato Chaves - Fluminense: um jogo
Roger Carvalho - Palmeiras: não atuou
Walisson Maia - Coritiba: um jogo

Laterais-esquerdos:

Carlinhos - São Paulo: quatro jogos
Chiquinho - Flamengo: não atuou
Guilherme Arana - Corinthians: um jogo
Iago Sampaio - Grêmio: não atuou
Nicolas Vichiatto - Atlético/PR: um jogo
Wanderson Caju - Santos: dois jogos

Volantes:

Edwin Valencia* - Santos: um jogo
Federico Gino - Cruzeiro: quatro jogos
Héctor Canteros - Flamengo: dois jogos
Jackson Caucaia* - Figueirense: quatro jogos
Lucas Cândido - Atlético/MG: cinco jogos
Neto Moura - Sport: um jogo
Pierre - Fluminense: cinco jogos
Willians - Corinthians: três jogos

Meias/meias-atacantes:

Elano* - Santos: três jogos
Felipe Menezes* - Ponte Preta: três jogos
Gegê - Botafogo: quatro jogos
Jesús Dátolo* - Atlético/MG: quatro jogos
Leandro Lima* - Santa Cruz: cinco jogos
Lucas Mugni - Flamengo: não atuou
Marlone - Corinthians: quatro jogos
Matías Pisano - Cruzeiro: quatro jogos

Atacantes:

Douglas Coutinho - Cruzeiro: cinco jogos
Kempes* - Chapecoense: seis jogos
Luan - Palmeiras: dois jogos
Lucas Barrios - Palmeiras: três jogos
Lucca - Corinthians: cinco jogos
Martín Luque - Internacional: não atuou
Rhayner - Ponte Preta: quatro jogos
Rildo* - Corinthians: dois jogos

Nenhum comentário:

Postar um comentário