26/10/2016


Cinco dos mais escalados nesta temporada têm contrato somente
até dezembro; ídolo João Ricardo tem vínculo por mais dois anos

Vinícius Dias

Com 99,96% de chances de rebaixamento, conforme o Departamento de Matemática da UFMG, o América tem jogado as últimas fichas para evitar a volta à Série B. Enquanto isso, nos bastidores, a diretoria já trabalha visando à próxima temporada. Além de avaliar nomes de possíveis reforços, o Coelho busca definir a situação dos atletas que voltam de empréstimo ou cujos contratos se encerram ainda neste ano.

Nos bastidores, América já planeja 2017
(Créditos: Carlos Cruz/América FC/Democrata-GV)

O Blog Toque Di Letra, em parceria com o portal Rede do Futebol, fez um levantamento da situação contratual dos jogadores do elenco alviverde. 13 atletas terão vínculos encerrados logo após o Brasileirão. Cinco desses - Alison, Leandro Guerreiro, Pablo, Claudinei e Osman - estão entre os mais utilizados na temporada. Por outro lado, pelo menos seis jogadores retornam de empréstimo em janeiro.

Goleiros:
João Ricardo - dezembro de 2018
Fernando Leal - dezembro de 2016
Glauco - dezembro de 2019
Jory - julho de 2019

Laterais-direitos:
Jonas - dezembro de 2016
Helder - maio de 2017

Zagueiros:
Alison - dezembro de 2016
Éder Lima - dezembro de 2016
Messias - dezembro de 2018
Roger Duarte - dezembro de 2019
Cardoso - dezembro de 2016

Laterais-esquerdos:
Danilo Barcelos - dezembro de 2017
Gilson - dezembro de 2016
Bruno Teles - dezembro de 2016

Volantes:
Leandro Guerreiro - dezembro de 2016
Juninho* - dezembro de 2016
Pablo* - dezembro de 2016
Ernandes - dezembro de 2017
Claudinei* - dezembro de 2016
Renato Bruno - dezembro de 2016
Makton - outubro de 2020
Christian Sávio - dezembro de 2017

Meias:
Matheusinho - setembro de 2021
Tony - dezembro de 2017
Osman* - dezembro de 2016
Guilherme Xavier - dezembro de 2017

Atacantes:
Nixon* - dezembro de 2016
Michael* - dezembro de 2016
Danilo Dias - dezembro de 2017
Bruno Sávio - dezembro de 2017
Nilson* - dezembro de 2016
Vitinho Ruas - dezembro de 2017

Voltam de empréstimo:
Glaycon - dezembro de 2017
Danilinho - dezembro de 2017
Douglas Dopô - dezembro de 2017
Diego Henrique - dezembro de 2017
Renatinho - dezembro de 2017
Rubens - dezembro de 2018

*Atletas emprestados ao América

4 comentários:

  1. O Conselho Gestor tem que assumir que o planejamento foi errado e o título do mineiro só serviu para mascarar a péssima qualidade do elenco. Para 2017 precisa dispensar 90% desse elenco e qualificar mais as possíveis contratações.

    ResponderExcluir
  2. Se bobear com esse time cai para a série C,
    Diretoria do América não consegue se manter na série A, acham que o
    jeito é contratar muitos jogadores quando na verdade o segredo está em trazer peças pontuais de mais qualidade.
    Olha o exemplo do Atlético, antes contratava uns 3 times por temporada e não brigava por nada, agora faz apenas contratações pontuais mantendo a qualidade do time.

    ResponderExcluir
  3. O América sobe para serie A e sempre desanda.Cai no mesmo ano.
    Precisa levar em conta a dificuldade da Serie A e se tem condições de disputar.

    ResponderExcluir
  4. Não é possível que um time se mantenha na série A jogando para 1300 torcedores.A média de público do América é vergonhosa.

    ResponderExcluir