11/02/2019

Joia do sub-20 do Cruzeiro vira alvo da Europa

Vinícius Dias

As boas atuações com a camisa do Cruzeiro na Copa São Paulo de Futebol Júnior elevaram o status do meia Marco Antônio no mercado. Conforme o Blog Toque Di Letra, o jovem, de 18 anos, é alvo do Porto, de Portugal, Flamengo e um clube paulista. Em meio ao assédio, a cúpula celeste tenta assegurar a renovação do prata da casa, que tem vínculo apenas até julho e, portanto, já pode assinar pré-contrato com outra equipe.


A oferta cruzeirense foi formalizada há cerca de 15 dias, em reunião na Toca II. O clube agora aguarda uma posição do staff de Marco Antônio, encabeçado pelo agente Luciano Brustolini, para dar sequência às negociações. "Nós já fizemos a primeira proposta ao empresário dele, há duas semanas. Ele levou para a família e ficou de dar um retorno para a gente nesta semana", confirmou o diretor geral da base, Quintiliano Lemos.

Marco Antônio tem contrato até julho
(Créditos: Gustavo Aleixo/Cruzeiro E.C.)

Detentor de 70% dos direitos econômicos de Marco Antônio, o Cruzeiro apresentou um plano de carreira semelhante ao alinhavado na renovação do atacante Vinícius Popó, apontado nos bastidores como uma das principais revelações recentes da Toca I. O clube celeste propõe contrato por cinco temporadas, com gatilhos salariais baseados no desempenho no sub-20 e, posteriormente, na promoção ao elenco profissional.

'Queremos mantê-lo', diz diretor

Mesmo ciente do assédio após a participação do meia na Copa São Paulo de Futebol Júnior, coroada com assistências nas vitórias diante de Sport e Rio Preto, Quintiliano garante o Cruzeiro forte na disputa. "São clubes grandes que têm interesse no atleta. Mas o Cruzeiro é o formador e quer mantê-lo", afirmou, sem especificar as equipes interessadas. A reportagem tentou, sem sucesso, contato com o agente Luciano Brustolini.

12 comentários:

  1. Como que deixam o garoto jogar uma copa SP podendo assinar com outro clube? Antes do torneio tinham que ja ter renovado ou nem viajava.

    ResponderExcluir
  2. Também nao entendo, o menino joga muito. Era da seleção brasileira.
    Agora e correr atrás do prejuízo.

    ResponderExcluir
  3. Ja estão de olho ora uma venda futura.infelizmente os craques que vão aparecendo,são assediados por gigantes do futebol mundial,aí fica dificil mesmo.

    ResponderExcluir
  4. Que dureza, um clube revela e outros que não tem competência para tal vem e querem levar de graça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Era só renovar antes. Ainda mais depois de terem perdido Vitinho dessa forma. É o jeito de trabalhar dessa diretoria. Sempre na última hora.

      Excluir
  5. CEC e sua política de "pouco caso" com a base. Já perderam 2 jovens por conta de deixar pra renovar contrato na última hora e nÃo aprendem nunca.

    ResponderExcluir
  6. Vejam a incapacidade desta diretoria.
    Jogador da base, praticamente sem contrato. São amadores, mesmo.
    Na verdade, no CRUZEIRO não tem alguém na base competente. Não iriam renovar o contrato do garoto, porem como ele fez uma grande copinha, agora estão correndo atras.
    Como um clube gigantesco igual ao CRUZEIRO, tem profissionais amadores, incompetentes, pois não sabem se quer ver um bom prata da casa.
    É de doer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente sábias palavras, acabaram de perder grande goleiro sub 17,Vinícius para América. Diretoria sem visão..


      Excluir
  7. Concordo com vc....os caras parecem amadores

    ResponderExcluir
  8. Até quando estes amadores irão administrar o Cruzeiro? Vitinho e outros aconteceram a mesma coisa, deixaram chegar a menos de 6 meses para vencer o contrato e saíram de graça, o Vinicius Popó parece ser a exceção porque todo jogo ele faz a diretoria lembrar dele com gols (0,91 por partida)

    ResponderExcluir
  9. A diretoria do Cruzeiro é completamente amadora.

    ResponderExcluir