05/10/2014

Vitória de líder, de campeão!

Vinícius Dias

Foi a vitória da insistência. De um Cruzeiro que arrematou 16 vezes em direção ao gol, contra dez finalizações coloradas. De Marcelo Moreno, que retomou a bola de Aránguiz, esperou pelo passe de William e, a seguir, estufou as redes do goleiro Dida: Cruzeiro 1 a 0. O 13º gol do boliviano, artilheiro do Brasileirão.


Foi a vitória da classe do meia Éverton Ribeiro, cuja assistência milimétrica encontrou o pé direito do camisa 34 Marquinhos, substituto do lesionado Alisson, que ampliou: Cruzeiro 2 a 0. O camisa 10 azul celeste, por sinal, lidera o ranking de assistências do torneio, com 10 passes decisivos para gols da Raposa.

Éverton Ribeiro: camisa 10 azul estrelado
(Créditos: Washington Alves/Light Press/Textual)

Foi, também, a vitória da sorte. Antes de o Inter descontar, D'Alessandro acertou a trave estrelada. A bola ainda tocou as costas do goleiro Fábio e percorreu a linha do gol, para, depois, ser afastada pelo lateral-esquerdo Egídio. Como disse, ontem, o meia-atacante Alex: "a sorte acompanha os competentes".

Foi a vitória do líder e, por que não, do campeão.
Do excelente Cruzeiro. Do ótimo Marcelo Oliveira!

Nenhum comentário:

Postar um comentário