08/01/2013

A última cartada

O craque Ronaldinho Gaúcho resistiu às boas ofertas do Fluminense e do futebol chinês. Pela promessa Bernard, Alexandre Kalil recusou cerca de € 11 milhões. Ainda assim, nos bastidores, a cúpula do alvinegro continua a busca por um reforço de peso. Robinho, sonho antigo, está cada vez mais distante e deve permanecer no Milan.

A imprensa argentina especula o interesse em Riquelme, sem atuar desde que deixou o Boca Juniors/ARG, em julho. Porém, segundo apurou o Blog Toque Di Letra, Diego Tardelli, artilheiro do alvinegro nas temporadas de 2009 e 2010, segue como sonho. O desejo de disputar a Copa do Mundo de 2014 e as manifestações dos torcedores nas redes sociais contam a favor.

Por ele, o time mineiro conta com o apoio de investidores. E, apesar das tentativas infrutíferas em dezembro, voltará à mesa nesta semana. Na nova rodada de negociações, espera que os árabes fixem o valor para a venda do atacante, e ainda promete elevar em cerca de 20% sua oferta inicial.

Quatro vezes Messi

Como nos últimos três anos, a Bola de Ouro da Fifa ficou com Lionel Messi, do Barcelona. E, desta vez, celebra a mais prolífica temporada da carreira do craque argentino: foram 91 gols em 61 partidas disputadas. Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, e Iniesta, parceiro de Messi no clube blaugrana, completam o top 3.

Na seleção, formada somente por atletas que atuam na Liga Espanhola, presença de dois brasileiros: a dupla de laterais Marcelo e Daniel Alves. Ainda foram escalados: o goleiro Iker Casillas, o zagueiro Sérgio Ramos, os volantes Xabi Alonso e Xavi, e o atacante colombiano Falcão García, do Atlético de Madrid.

Nenhum comentário:

Postar um comentário