13/04/2014

Está chegando a hora...

Alisson Millo

Como diz o velho ditado, tudo como dantes no quartel de Abrantes. Se a decisão entre Atlético e Cruzeiro não é novidade em Minas Gerais, o duelo sem grandes emoções, no último domingo, no Horto, manteve o cenário indefinido. Com o empate, a decisão ficou para o embate desta tarde. Os bons resultados obtidos durante a semana, na Libertadores, servem de motivação para os rivais.


Líder do grupo 4, o Atlético terminou em quarto lugar geral depois do triunfo por 1 a 0, diante do Zamora, da Venezuela. O Cruzeiro conseguiu a tão sonhada classificação após bater o Real Garcilaso, do Peru, por 3 a 0. O clube celeste garantiu, no saldo de gols, a segunda vaga do grupo 5. Nas oitavas, a Raposa vai encarar o paraguaio Cerro Porteño, enquanto o Galo enfrenta o Nacional de Medellín.  

Na partida de ida, empate no Horto
(Créditos: Washington Alves/Light Press)

Mas, dessa vez, o assunto é o Campeonato Mineiro. Mandante na partida desta tarde, o Cruzeiro vai a campo com time completo - e precisa apenas de um empate para ficar com a taça. Do lado atleticano, Marcos Rocha é mais um desfalque. Outra oportunidade para Michel, que, como na Copa Libertadores do ano passado, frente ao Olimpia, volta a ser titular em uma decisão no Mineirão.

Entre jogar e ganhar

Na sexta-feira, o zagueiro Otamendi, um dos destaques do duelo de ida, declarou que 'decisão não se joga, decisão de ganha'. Ninguém se atreve, seja atleticano ou cruzeirense, a discutir com o argentino. O objetivo em jogo é o título. Que pode ser o tri alvinegro e, talvez, a redenção de Paulo Autuori. Ou a conquista invicta do Cruzeiro, coroando trabalho 'impecável' de Marcelo Oliveira.

Rivalidade à flor da pele em campo
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Emoções de sobra, rivalidade além da conta, estádio cheio e uma enorme expectativa sobre os atuais campeões da Libertadores e do Brasil. E se a partida no Horto deixou a desejar, a torcida é para que, hoje, Cruzeiro e Atlético façam um clássico à altura da história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário