31/03/2015


Solução encontrada pela cúpula da Veterana foi a instalação
de arquibancadas móveis; time espera por CREA e Bombeiros

Vinícius Dias

Assegurada no G4 do Campeonato Mineiro, a Caldense já se articula nos bastidores para realizar um dos jogos da semifinal em Poços de Caldas. O estádio Ronaldão, onde o time mandou seus jogos na fase classificatória, tem capacidade para 7,6 mil torcedores. O regulamento do estadual, no entanto, observa que, na segunda fase, as partidas devem ser disputadas em estádios com capacidade superior a 10 mil pessoas.

Ronaldão, em Poços: a casa da Veterana
(Créditos: José Augusto Basílio/Marketing Caldense)

A solução encontrada pela cúpula do clube alviverde foi a instalação de arquibancadas móveis, ampliando a capacidade do estádio para 10,5 mil. Cerca de 70% das obras estão concluídas, segundo afirmou o gerente de futebol Alex Joaquim ao Blog Toque Di Letra. O clube ainda aguarda a aprovação do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) e o laudo do Corpo de Bombeiros.

Definição até segunda-feira

A Caldense tem até a próxima segunda-feira, 06 de abril, para oficializar junto à Federação Mineira o estádio onde vai mandar a partida válida pela semifinal. Mesmo confiante na expedição do laudo atestando aumento da capacidade do Ronaldão, a Veterana estuda duas alternativas: Melão, em Varginha, e os estádios de Belo Horizonte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário