09/06/2016


Independiente deve fazer oferta de compra, enquanto rivais
sondaram por empréstimo; River é alternativa para italianos

Vinícius Dias

Nem mesmo a passagem sem sucesso pelo Cruzeiro afetou o prestígio de Sanchez Miño no futebol argentino. De saída da Toca II, o atleta, de 26 anos, está na pauta de pelo menos três clubes de seu país de origem. O principal candidato, no momento, é o Independiente. Após a indicação de Gabriel Milito, técnico do meio-campista na passagem pelo Estudiantes, o Rojo de Avellaneda fez uma consulta ao Torino e, agora, deve apresentar oferta por 100% dos direitos econômicos.


Conforme revelou ao Blog Toque Di Letra uma fonte ligada ao mercado argentino, Vélez Sarsfield e Boca Juniors chegaram a sondar nos últimos dias a possibilidade de empréstimo. Mas, após duas cessões consecutivas nos últimos 18 meses, os italianos pretendem negociar Sanchez Miño em definitivo. O clube planeja reaver parte do investimento de € 3,2 milhões feito para tirá-lo de La Bombonera em 2014.

Miño deixa o Cruzeiro após 18 jogos
(Créditos: Washington Alves/Light Press)

Caso a tratativa com o Independiente não se concretize, uma alternativa trabalhada em segundo plano pela cúpula do Torino é a de envolvê-lo em uma possível negociação com o River Plate por Rodrigo Mora. Na semana passada, o portal Torino Oggi destacou que a equipe granata monitora a situação do atacante uruguaio. O Blog apurou que um clube mexicano já fez oferta e se apresentou como concorrente.

Números no Cruzeiro

De janeiro a maio, Sanchez Miño participou de 18 dos 23 duelos oficiais disputados pelo time celeste, marcando um gol. Apesar da frequência em campo, contudo, não convenceu. Com vínculo com o Torino até junho de 2018, o argentino chegou à Belo Horizonte com direitos fixados em € 2,5 milhões, cerca de R$ 9,5 milhões na cotação atual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário