23/01/2013


Depois de ano brilhante no Atlético/MG, Ronaldinho Gaúcho
retorna à seleção brasileira e comemora: 'feliz, muito feliz!'

Vinícius Dias

O futebol mineiro e os ares da Cidade do Galo parecem, mesmo, ter feito bem a Ronaldinho Gaúcho. Em baixa no Flamengo, o meia acertou com o Atlético em junho último, e voltou a se apresentar em um alto nível. No Campeonato Brasileiro, somou 13 assistências, e marcou dez gols que o credenciaram para, quase 11 meses depois, voltar a vestir a camisa da seleção brasileira.

Presente na 'primeira' convocação do treinador Felipão, comandante da conquista do penta em 2002, o craque participará de amistoso contra a Inglaterra, no dia 6 de fevereiro, em Londres. Três dias após encarar o arquirrival Cruzeiro no clássico que marca a reinauguração do Mineirão. Satisfeito com a nova oportunidade, Gaúcho se "expressou" a partir do microblog Twitter.

R10: bom humor pós-convocação
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

"De volta à seleção. Feliz, muito feliz", publicou em seu perfil oficial, que conta com mais de cinco milhões de seguidores. Logo na sequência, em entrevista coletiva, agradeceu ao Atlético pelo apoio recebido em 2012. "Momento maravilhoso voltar à seleção, tenho que agradecer a todos do Atlético. Comissão, pessoal da cozinha, funcionários e à torcida, que me abraçou desde o primeiro dia", afirmou.

Craque 'de casa'

O bom convívio na passagem anterior de Luiz Felipe Scolari foi um dos fatores que definiram o seu retorno à amarelinha. Questionado sobre a convocação do meia, de 32 anos, o treinador foi objetivo. "Espero que jogue o que sabe jogar. É um craque, e conheço o Ronaldo (Gaúcho) há muito tempo", justificou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário