18/09/2013

Ao som do hino alvinegro

Gilvan Meireles

2013 foi um ano marcado pelos confrontos entre Atlético e São Paulo, e mesmo que o Galo perca hoje, o retrospecto vai continuar favorável. Em cinco duelos, somamos três vitórias, um empate e somente uma derrota. Jogamos como gigantes. Eliminamos o tricolor na Copa Libertadores - em grande estilo. A vitória no Horto, por 4 a 1, ainda incomoda o torcedor são-paulino.

Hoje, no Morumbi, a situação será um pouco diferente. O São Paulo, que vinha muito mal no Brasileirão, parece ter ganhado novo ânimo nas duas últimas partidas. Com Muricy, que é ídolo do clube, o tricolor soma duas vitórias seguidas, um feito até então inédito para o clube paulista nesta edição da Série A. O Atlético, que vem embalado, deve jogar com muita inteligência.

De novo, Galo enfrenta o tricolor
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Diante do Grêmio, em Porto Alegre, a equipe soube jogar. Administrou na defesa e teve sorte e competência para neutralizar os ataques do time gaúcho. Quando foi à frente, bastou Diego Tardelli colocar um pouco de qualidade no passe em um jogo chuvoso. E caixa... Gol do Fernandinho! Hoje, no embate com o São Paulo, o Atlético terá que repetir a dose de inteligência.

Como diz o hino...

Longe daquele cenário místico que envolve a Copa Libertadores, o duelo desta quarta, pelo Brasileiro, promete. O Atlético já demonstrou que tem condições de vencer na capital paulista. O São Paulo mostrou sua força em um 2 a 0 que congelou o Galo. Hoje, o 16º encara o 10º. Que o Galo possa, novamente, carimbar o "vencer, vencer, vencer", que já está em nosso glorioso hino!

2 comentários:

  1. Em quatro jogos, somamos três vitórias, um empate e somente uma derrota.

    Corrige ai.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelo aviso.
    Correção realizada!

    Um abraço!

    ResponderExcluir