23/04/2018

Cruzeiro deve ter eleição de natos após a Copa

Vinícius Dias

O cenário político do Cruzeiro voltará a ficar agitado no segundo semestre. Conforme o Blog Toque Di Letra apurou, nos bastidores do Conselho Deliberativo, a expectativa é de que o presidente Zezé Perrella convoque eleição para recompor o quadro de conselheiros natos - vitalícios - após a Copa do Mundo. A competição organizada pela Fifa acontecerá entre os dias 14 de junho e 15 de julho, na Rússia.

Zezé Perrella deve convocar eleição
(Créditos: Alfredo Malagoli/Cruzeiro)

"A reunião para votar as contas do ano anterior (nesta quarta-feira) será nossa primeira desde a posse, em dezembro. Mas haverá outras, com os conselheiros, para promoção de natos depois da Copa, diversos assuntos", antecipa um integrante da mesa diretora do triênio 2018/2020. Atualmente, a lista de conselheiros natos conta com 244 nomes, 36 a menos do que o número de vagas fixado pelo estatuto do clube.

Pleito apontará presidenciáveis

A eleição, que chegou a ser cogitada para o fim de 2017, é uma das mais importantes do xadrez político celeste, uma vez que os escolhidos pelo colégio eleitoral de beneméritos - ex-presidentes do clube e Conselho - e atuais natos se tornam elegíveis para a presidência. Na votação secreta, sem formação de chapas, concorrem associados conselheiros com no mínimo três mandatos consecutivos ou cinco alternados cumpridos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário