12/05/2013


Galo segue à espera de Leonardo Silva, e Raposa tem o
time completo. Partida inicia às 16h, no Independência

Vinícius Dias

O atleticano Cuca tem somente uma dúvida: Leonardo Silva ou Gilberto Silva. "Vamos esperar o Leonardo até o último momento", disse. Do lado celeste, Marcelo Oliveira tem sete retornos - e titulares confirmados. "O time que vinha jogando", falou. Sem mistério, Cruzeiro e Atlético vão a campo neste domingo, às 16h, no Independência, para o jogo de ida da final do estadual. Enquanto o Galo tenta 'reverter' a vantagem do rival, que joga por placares iguais, a Raposa tenta quebrar a invencibilidade no estádio do Horto.
De volta a Minas Gerais depois de uma década no exterior, o experiente Gilberto Silva pontua a importância de buscar o resultado, respeitando o adversário. "A gente respeita todos os profissionais que enfrenta. Faço isso há 15 anos, desde a época em que estava aqui. Saí, enfrentei (na Inglaterra) os melhores jogadores da Europa. Agora, estou novamente no Brasil, enfrentando os melhores atletas do momento no país", analisou o camisa 15.

R10 e Jô: ataque entrosado no Galo
(Créditos: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Contente com a boa atuação da última quarta-feira, que rendeu vitória, por 4 a 1, ante o São Paulo e a classificação para as quartas de final da Libertadores, o arqueiro Victor a toma como "padrão" para o restante da temporada. "Não só deve servir de inspiração, mas também de referência", disse. Para o camisa 1, o Cruzeiro é um adversário difícil na busca pelo bicampeonato. "É um jogo tão ou mais difícil do que foi o São Paulo. E temos que buscar aquilo que a gente fez de bom, e transferir para esse jogo", concluiu.

Raposa invicta...

Depois de 16 partidas disputadas, com 15 vitórias, um empate, a Raposa tem o melhor aproveitamento entre os clubes que disputam a divisão de elite do Brasileiro em 2013. Contudo, o treinador Marcelo Oliveira trata o embate ante o Atlético como especial. "Clássico é sempre uma prova de fogo, em qualquer circunstância, grau de dificuldade imenso. Temos que lutar muito pelo resultado", assinalou.

Dagol e Ceará: dupla volta ao time
(Créditos: Washington Alves/Vipcomm)

Prova de fogo que Diego Souza conhece bem. Em 2010 e 2011, o camisa 10 azul esteve do lado atleticano. Veterano em clássicos, e garantindo motivação, o meia confia no potencial celeste. "Nosso time tem grandes jogadores, que foram campeões em vários clubes, e tenho a certeza de que, como estamos preocupados com o poder ofensivo do Atlético, eles têm preocupação também", assegurou

Atlético/MG x Cruzeiro

ATLÉTICO: Victor; Marcos Rocha, Gilberto Silva (Leonardo Silva), Réver e Richarlyson; Pierre, Leandro Donizete, Diego Tardelli, Ronaldinho Gaúcho, Bernard; Jô.

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Léo e Éverton; Nilton, Leandro Guerreiro, Éverton Ribeiro e Diego Souza; Dagoberto e Borges.

Nenhum comentário:

Postar um comentário